sábado, 15 de novembro de 2014

O OCIDENTE E O ORIENTE

O Ocidente e o Oriente e seus conflitos sempre em conflitos seja doutrinal ou pela força.


No dia 11 de maio do ano 330, o imperador Constantino oferece uma nova capital ao império romano: a Nova Roma. Esta cidade (Bizâncio) adotaria o nome de Constantinopla  após a morte do imperador e seria sob este nome que entraria para a história.


Constantino busca um lu ar propício para uma nova capital, considerava Roma muito corrupta para ser  a capital do cristianismo. A escolha era judiciosa. Bizâncio havia sido fundada mil anos antes, em 667 a.C., por colonos vindos de Megare, entre os estreitos que separam a Europa da Ásia. Também não podemos nos esquecer da    cidade de Samaria, Israel estava dividido, reino do norte e reino do sul, até sua final queda ano 722 antes de Cristo.
Podemos dizer que Constantino ao criar uma capital romana no ocidente estava dividindo as forças de Roma e suas decisões. Por outro lado com a queda de Samaria 722 antes de Cristo, estava a Assíria pondo um fim na divisão territorial tomando Samaria dos israelitas, e aumentando as forças e decisões de Jerusalém.
Depois de 189 anos os israelitas de Jerusalém estavam voltando para Jerusalém, ano 536-535 antes de Cristo depois de viverem em cativeiro na grande Babilônia.
Como já disse a decisão de Constantino de construir uma nova Roma, este estava abrindo uma cunha maior para disputas. Justino no ano 519 conseguiu unir o Ocidente (Roma), com Oriente Nova Roma (Constantinopla) assim a paz por pouco tempo perdurou.
Ano 1053-1054  ficou conhecido como o grande cisma entre o Ocidente e o Oriente. Vendo o ano 0-1 prefiro não comentar, pense por si mesmo de desfecho. Mas depois de 70 anos a cruzada cristã contra outros países e territórios levou a queda da cidade arrogante de Tiro. Assim como no ano 70 depois de Cristo Tito destruiu Jerusalém.
Pense o que quiser, mas não esqueça, Deus esta no controle de todas as nações, e impõe limites a tudo. A história é testemunha que, com Deus não se brinca.
 
 



As medidas podem parecer confusas para um observador apressado, contudo, elas testemunham que Deus esta com o controle de tudo, gostem ou não cada um de nós. Muitas vezes as medidas aparecem de forma rebatida, ou inversa, mas sempre apontando que ele sabe de tudo e esta no controle de tudo e não os homens.
Você pode encontrar lideres mundiais, lideres de classe, lideres de igreja, ou qualquer outro tipo de liderança. Geralmente os homens acreditam que graças ao seu potencial, ou qualquer outra habilidade, as coisas acontecem. Estes se esquecem da história de Nabucodonosor em sua arrogância quando disse:
"Ao fim de doze meses, quando passeava no palácio real de Babilônia,
Falou o rei, dizendo: Não é esta a grande Babilônia que eu edifiquei para a casa real, com a força do meu poder, e para glória da minha magnificência?" Daniel 4:30
Deus de pronto deu uma lição em Nabucodonosor, e isto deveria nos fazer refletir: Sou eu mesmo que alcancei tudo isto na minha vida?
 

















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço desde já pelo seu comentário, positivo ou critico.