sábado, 13 de dezembro de 2014

O NATAL DOS DEUSES

O NATAL DE MUITOS DEUSES


Na história do cristianismo podemos notar que suas medidas se repetem com frequência, após um ciclo de muitas gerações. Mas nestas matéria sobre o Natal você vai descobrir que não é somente as medidas que se repetem, Também a forma de nascimento de muitos deuses antigos. Segundo a tradição do catolicismo Jesus nasceu no dia 25 de dezembro. Sabemos no entanto que existe um consenso entre os historiadores de que Jesus provavelmente não tenha nascido em dezembro — aliás, ninguém sabe ao certo quando foi —, e os cristãos antigos nem sequer celebravam essa data.

Agora se grande parte dos historiadores não reconhecem a data de 25 de dezembro como data para o nascimento de Cristo, mas por qual motivo teria os outros deuses  um histórico de nascimento e vida, semelhante ao de Cristo?

Segundo alguns historiadores os profetas copiaram a forma de nascimento de outros deuses para profetizar sobre o futuro messias judaico. Mas isto não tem fundamento nenhum. 

E o que me faria ter tanta certeza?

Eu já apresentei aqui muitas datas com históricos repetidos por gerações e gerações, vou dar um exemplo simples para quem acompanha minhas matérias.

ENOQUE:


Você já deve ter lido sobre a matéria que apresenta que no ano 622 depois da criação nasce Enoque,


aquele que seria transladado.








JESUS
Na mesma matéria apresento que depois que o livro da lei foi encontrado no templo ano 622 antes de Cristo (inicio de uma reforma), Jesus nasce depois de 622 anos e voltou para o Céu, transladado.














MAOMÉ
Maomé em 622 Maomé foi obrigado a abandonar Meca, numa migração conhecida como a Hégira, e que este mesmo reformador da religião do islã foi transladado ao Céu em um cavalo com nome de (Buraq foi o cavalo braco que levou o profeta Maomé aos céus), segundo a crença deles.





















Mas podemos ter outras duvidas À considerar:

Foi estes para o Céu?

Devemos ter em mente que, uma comunidade pode apresentar que seu Deus ressuscitou somente para gozar de benefícios. Possivelmente isto ocorreu com a comunidade do Islã.

 Que benefícios gozaram os Seus discípulos após a morte de Jesus? Apenas morreram de forma cruel por falar e pregar sobre Ele.

"Então, disse Jesus a seus discípulos:



Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me."(Mateus 16:24) "Então, sereis atribulados, e vos matarão. Sereis odiados de todas as nações, por causa do meu nome."(Mateus 24:9)
E já sabiam tudo que esperava para suas vidas.






  • André morreu amarrado numa cruz
  • Bartolomeu, foi esfolado e crucificado de cabeça para baixo.
  • Felipe também por testemunhar.
  • Tiago Menor (filho de Alfeu) apedrejado até a morte
  • Tiago Maior ( filho de Zebedeu ) decapitado
  • Judas (não o Iscariotes) foi apedrejado até a morte
  • Mateus perfurado com lanças até a morte
  • Pedro crucificado de cabeça para baixoFilipe crucificado
  • Simão Zelota (o Cananeu) crucificado
  • Matias apedrejado até a morte.
  • João foi aprisionado na ILHA DE PATMOS  e foi solto já velho e morreu morte natural
É muito natural os discípulos receberem um reino já confortável após a morte de seu Deus ou profeta, contudo, o que recebeu os discípulos de Cristo?

Até mesmo o traidor morreu.
Judas Iscariotes suicidou-se por enforcamento

CONCLUSÃO

Eu acredito que estas características de outros deuses que existiram antes de Cristo existiram para desviar os filhos de Deus de todos os tempos, o intuito do inimigo era apresentar características já anunciadas pelos profetas ates do  diluvio. (Enoque) O inimigo desejava enganar as gerações anteriores para ver se conquistava os filhos de Deus para sua linha de frente.

Mas até então, Deus não havia apresentado o ano do nascimento de Jesus.

Enoque já havia profetizado sobre a vinda de Cristo depois 622 depois da criação. O inimigo temia que em algum tempo  nascesse o Verdadeiro libertador, e assim implantou seu engano em eras ou gerações anteriores para se prevenir e confundir gerações da época e outras do futuro.



A única profecia que o inimigo ainda não conhecia era a respeito do ano natal do verdadeiro messias. Isto só foi revelado no ano primeiro de Dario, filho de Assuero, da linhagem dos medos.
  No primeiro ano do seu reinado, eu, Daniel, entendi pelos livros que o número dos anos, de que falara o Senhor ao profeta Jeremias, em que haviam de cumprir-se as desolações de Jerusalém, era de setenta anos. Daniel 9:01 e 24-27

"Setenta semanas estão determinadas sobre o teu povo, e sobre a tua santa cidade, para cessar a transgressão, e para dar fim aos pecados, e para expiar a iniquidade, e trazer a justiça eterna, e selar a visão e a profecia, e para ungir o Santíssimo. Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar, e para edificar a Jerusalém, até ao Messias, o Príncipe, haverá sete semanas, e sessenta e duas semanas; as ruas e o muro se reedificarão, mas em tempos angustiosos. E depois das sessenta e duas semanas será cortado o Messias, mas não para si mesmo; e o povo do príncipe, que há de vir, destruirá a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até ao fim haverá guerra; estão determinadas as assolações.



E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador".








Você poderá receber esclarecimento sobre esta profecia na pagina:
http://novotempo.com/bibliafacil/videos/biblia-facil-daniel-2300-tardes-e-manhas-parte-1/


 Medite sobre isto.
Se quiser poderá ver a características de outros Deuses abaixo. Postei esse assunto, pois desejo que jovens ou crianças, tenham a oportunidade de saber que muito é permitido ao inimigo até o tempo final. Sempre devemos lembrar que, estas coisas são um sinal de Deus para nós, e Ele controla o Mundo todo. O inimigo e todas nações estão fisgados nos anzóis de Deus, logo chegará o tempo apontado por Ezequiel que todas as nações estarão unidos ao poder do inimigo, fisgados por Deus, que porá fim a todos que estão do lado do inimigo.
Ezequiel 29:4
Mas eu porei anzóis em teus queixos, e farei que os peixes dos teus rios se apeguem às tuas escamas; e tirar-te-ei do meio dos teus rios, e todos os peixes dos teus rios se apegarem às tuas escamas.
Ezequiel 38:4
E te farei voltar, e porei anzóis nos teus queixos, e te levarei a ti, com todo o teu exército, cavalos e cavaleiros, todos vestidos com primor, grande multidão, com escudo e rodela, manejando todos a espada;
Amós 4:2
Jurou o Senhor DEUS, pela sua santidade, que dias estão para vir sobre vós, em que vos levarão com ganchos e a vossos descendentes com anzóis de pesca.

Assim não importa quantos deuses nasceram com os sinais apresentados na vida de Jesus, não são apenas estes sinais que conta, mas sim as profecias que apresenta o ano de seu nascimento.

Veja abaixo alguns Deuses e seus sinais .

TAMUZ. 

Deus da Suméria e Fenícia, morreu com uma chaga no flanco e, três dias depois, levantou-se do túmulo e o deixou vazio com a pedra que o fechava a um lado. Belém era o centro do culto a Tamuz.


Deus egípcio do Céu, do Sol e da Lua;
Nasceu de Isis, de forma milagrosa, sem envolvimento sexual;
Seu nascimento é comemorado em 25 de dezembro;
Ressuscitou um homem de nome EL-AZAR-US;
Um de seus títulos é "Krst" ou "Karast";
Lutou durante 40 dias no deserto contra as tentações de Set (divindade comparada a Satã);
Batizado com água por Anup;
Representado por uma cruz;
A trindade Atom (o pai), Hórus (o filho) e Rá (comparado ao Espírito Santo).

MITRA DEUSA PERSA


Originalmente um deus persa, mas foi adotado pelos romanos e convertido em deus Sol;
Intermediário entre Ormuzd (Deus-Pai) e o homem;



  • Seu nascimento é comemorado em 25 de dezembro;
  • Nasceu de forma milagrosa, sem envolvimento sexual;
  • Pastores vieram adorá-lo, com presentes como ouro e incenso;
  • Viria livrar o mundo do seu irmão maligno, Ariman;
  • Era considerado um professor e um grande mestre viajante;
  • Era identificado com o leão e o cordeiro;
  • Seu dia sagrado era domingo ("Sunday"), "Dia do Sol", centenas de anos antes de Cristo;
  • Tinha sua festa no período que se tornou mais tarde a Páscoa cristã;
  • Teve doze companheiros ou discípulos;
  • Executava milagres;
  • Foi enterrado em um túmulo e após três dias levantou-se outra vez;
  • Sua ressurreição era comemorada cada ano.

DEUS ÁTIS

  Átis (Frígia / Roma) - 1200 a.C.: Nasceu dia 25 de dezembro;


  • Nasceu de uma virgem;
  • Foi crucificado, morreu e foi enterrado;
  • Ressuscitou no terceiro dia
  • Seus sacerdotes eram eunucos, o Galli, como explicado por mitos de origem referentes a Átis e castração. 

BUDA



  • Sua missão de salvador do mundo 
  • Foi profetizado seu nascimento quando ele ainda era um bebê;
  • Por volta dos 30 anos inicia sua vida espiritual;
  • Foi impiedosamente tentado pelas forças do mal enquanto jejuava;
  • Caminhou sobre as águas (Anguttara Nikaya 3:60).
  • Ensinava por meio de parábolas, inclusive uma sobre um "filho pródigo".
  • A partir de um pão alimentou 500 discípulos, e ainda sobrou (Jataka).
  • Transfigurou-se em frente aos discípulos, com luz saindo de seu corpo;
  • Após sua morte, ressuscitou (tradição chinesa).


Zeus

Deus  grego romano do vinho;
  • Nascido da virgem Sémele (que foi fecundada por Zeus);


  • Quando criança, quiseram matá-lo;
  • Fez milagres, como a transformação da água em vinho e a multiplicação dos peixes;
  • Após a morte, ressuscitou;
  • Era chamado de "Filho pródigo" de Zeus.












HÉRCULES 


  • Nascido da virgem Alcmena, que foi fecundada por Zeus;
  • Seu nascimento é comemorado em 25 de dezembro;
  • Foi impiedosamente tentado pelas forças do mal
(Hera, a ciumenta esposa de Zeus);

  • A causadora de sua morte (sua esposa) se arrepende e se mata enforcada.
  • Estão presentes no momento de sua morte sua mãe e seu discípulo mais amado (Hylas);
  • Sua morte é acompanhada por um terremoto e um eclipse do Sol;
  • Após sua morte, ressuscitou, ascendendo aos céus.

Krishna - 3228 a.C 


  •  Trata-se de um avatar do Deus Vishnu – um avatar é como se fosse a personificação ou encarnação de um deus;



  • Nasceu no dia 25 de dezembro;
  • Nasceu de uma virgem, Devaki ("Divina");
  • Uma estrela avisou a sua chegada;
  • É a segunda pessoa da trindade;
  • Foi perseguido por um tirano que requisitou o massacre dos milhares dos infantes;
  • Fez milagres;
  • Em algumas tradições morreu em uma árvore;
  • Após morrer, ressuscitou.
  • Seu dia sagrado Domingo 

Conclusão:


Assim o inimigo usou sacerdotes de varias gerações para confundir os que seriam o eleitos ou escolhidos  de todos os períodos da raça humana. Mas nunca Deus ficou sem suas testemunhas.

"Adão aprendera do Criador a história da criação; ele mesmo testemunhara os acontecimentos de nove séculos; e comunicou seu saber aos seus descendentes. Os ante diluviamos não tinham livros, não tinham registros escritos; mas com o seu grande vigor físico e mental possuíam forte memória, capaz de apreender e reter aquilo que lhes era comunicado, e por sua vez transmiti-lo intacto à posteridade. E durante centenas de anos houve sete gerações vivendo na Terra contemporaneamente, tendo a oportunidade de consultarem entre si, e aproveitar cada uma dos conhecimentos e experiência de todas. -
Apesar da iniqüidade que prevalecia, havia uma linhagem de homens santos que, elevados e enobrecidos pela comunhão com Deus, viviam como que na companhia do Céu. Eram homens de sólido intelecto, de maravilhosas realizações. Tinham uma grande e santa missão: desenvolver um caráter de justiça, ensinar a lição da piedade, não somente para os homens de seu tempo, mas para as gerações futuras. Poucos apenas dos mais preeminente são mencionados nas Escrituras, mas durante todos os séculos Deus teve fiéis testemunhas, adoradores dotados de corações sinceros. -
Por meio de santos anjos Deus revelou a Enoque Seu propósito de destruir o mundo por um dilúvio, e também lhe revelou amplamente o plano da redenção. Pelo Espírito de Profecia levou-o através das gerações que viveriam após o dilúvio, e mostrou-lhe os grandes acontecimentos ligados à segunda vinda de Cristo e ao fim do mundo.
Aproximadamente ao pôr-do-sol, caiu em um profundo sono; "e eis que grande espanto e grande escuridão caiu sobre ele". Gên. 15:7-18. Ouvida a voz de Deus, ordenando-lhe que não esperasse a posse imediata da terra prometida, e indicando no futuro os sofrimentos de sua posteridade antes de seu estabelecimento em Canaã. O plano da redenção foi-lhe ali desvendado, na morte de Cristo, o grande sacrifício, e em Sua vinda em glória. Abraão viu também a Terra restabelecida à sua beleza edênica, para lhe ser dada em possessão eterna, como o cumprimento final e completo da promessa. -
Satanás bem conhece o material com que tem a lidar no coração humano. Ele sabe - pois tem estudado com diabólica intensidade durante milhares de anos - quais os pontos que mais facilmente podem ser assaltados no caráter de cada um; e durante gerações sucessivas tem ele operado a fim de subverter os homens mais fortes, os príncipes de Israel, pelas mesmas tentações que tiveram tanto êxito em Baal-Peor. Todos os períodos da História se acham repletos de caracteres que naufragaram de encontro aos recifes da condescendência sensual. 

 Aproximando-nos do final do tempo, ao achar-se o povo de Deus nas fronteiras da Canaã celestial, Satanás redobrará, como fez antigamente, os seus esforços para os impedir de entrar na boa terra. Arma as suas ciladas a toda a alma. Não é simplesmente o ignorante ou sem letras que necessita de ser guardado; ele preparará suas ".

LIVRO  PATRIARCAS E PROFETAS 83, 84, 85, 137 E 457
LIVRO PESQUISADO, "PATRIARCAS E PROFETAS" : http://www.ellenwhitebooks.com/